Livro

Mulheres na Literatura #10 – Roquia Sakhawat Hussain

Na nossa última postagem da série Mulheres na Literatura, voltamos às origens do Brasil para conhecer as obras de Graça Graúna, uma importante escritora nacional e defensora da cultura e dos povos indígenas. Na postagem de hoje seremos levados ao tempo do extindo Império Britânico, berço de Roquia Sakhawat Hussain, uma escritora feminista e ativista social do começo do século XX.

rokeya-sakhawat-hussain-envelope

Roquia Khatun nasceu em 1880 em Rangpur, hoje Bangladesh, que na época ainda fazia parte do Império Britânico. Aos 16, casou-se com Khan Bahadur Sakhawat Hussain, magistrado de Bhagalpur, que hoje é um distrito no estado indiano do Bihar. Seu marido a encorajava a ela escrever e lhe sugeria que fizesse isso utilizando o idioma bengali como língua principal para poder chegar nas classes mais baixas da sociedade. Em 1902, ela se lançou na carreira literária com um ensaio intitulado Pipasa (Sede). Posteriormente lançou  O Sonho da Sultana, em 1908.

03_livroEmbora tenha se mantido na carreira literária, os esforços de Roquia são mais conhecidos na área de igualdade de gênero. Ela foi a responsável pela abertura da primeira escola islâmica para moças, que existe ainda hoje, além de ter sido uma feminista muçulmana notável e uma figura inspiradora na luta pela liberação feminina das mazelas sociais. Para conscientizar as mulheres de seus direitos, ela escreveu diversos textos, ensaios, contos e novelas, principalmente em bengali. Ela usava de humor, ironia e sátira para ressaltar as injustiças sofridas pelas mulheres muçulmanas das classes mais baixas. Criticou os costumes sociais opressores sobre as mulheres que eram baseados em uma versão corrompida do Islã, exaltando que se as mulheres pudessem exercer todo o seu potencial como seres humanos, isso só glorificaria a palavra de Alá.

Enquanto escritora, suas obras se encaixam em vários gêneros literários. Contos, poemas, ensaios, novelas e sátiras, desenvolvendo um estilo literário próprio, caracterizado pela criatividade, lógica e senso de humor, que lhe garantiram notoriedade e o honorífico Begum Roquia Sakhawat Hussain, título de respeito dado às mulheres muçulmanas.

A obra O Sonho da Sultana, de Roquia Sakhawat Hussain, pode ser baixada no Universo Desconstruído e adquirida no Clube de Autores.


Espero que tenham gostado, pessoal! E estou mais do que aberta para sugestões de autoras bacanas que mereçam um post só para si, ok? É só comentar aqui em baixo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s