Livro

Mulheres na Literatura #2 – Maya Angelou

No post anterior da série Mulheres na Literatura, eu escrevi sobre a britânica Annette Carson e seu trabalho na retificação da história do rei Ricardo III. Hoje, vamos cruzar o Atlântico para conhecer mais sobre a importantíssima Maya Angelou, uma escritora norte-americana consagrada e considerada uma das autoras negras mais importantes do século.

77nxswsdqb63wjrxhnhnsb8nu
Maya em foto de 2011

Maya Angelou (pseudônimo de Marguerite Ann Johnson) foi uma escritora e poeta dos Estados Unidos. Sua história pessoal é repleta de feitos memoráveis e dignos de menção. Aos 17 anos, ela se tornou a primeira motorista negra de ônibus na cidade de São Francisco. Em anos posteriores, ela se tornou a primeira mulher negra a ser roteirista e diretora em Hollywood, pavimentando o caminho da diversidade no cinema.

mayaangelou1Na década de 50, quando passou a usar o pseudônimo Maya Angelou, ela se firmou como atriz, cantora e dançarina em várias montagens teatrais que percorreram o país. Nos anos 60, trabalhou para o movimento de direitos civis ao lado do amigo Martin Luther King, além de viajar pela África, como jornalista e professora, ajudando vários movimentos de independência em países africanos. Em 1970, ela publicou o primeiro livro, I Know Why the Caged Bird Sings, que foi extremamente bem recebido por público e crítica e lhe valeu uma indicação para o Pulitzer Prize em poesia no ano seguinte.

Angelou teve uma carreira longa e distinta. Foi poetisa, escritora, ativista de direitos civis, e historiadora, entre outras coisas. Também foi atriz, dançarina e cantora. Ela talvez seja melhor conhecida por seus trabalhos autobiográficos que incluem I Know Why the Caged Bird Sings e All God’s Children Need Traveling Shoes.

Em 28 de maio de 2014, Angelou faleceu. Embora estivesse com a saúde debilitada, ela nunca deixou de trabalhar em prol das causas que acreditava, tendo deixado um legado literário, político e cultural que é referência para estudiosos e representa muito para mulheres negras de todas as idades no mundo todo. Seus poemas inspiraram e deram força ao movimento negro nos Estados Unidos e aos movimentos de independência na África. Nas obras de Angelou, meninas, jovens e mulheres negras encontraram representação. Esse talvez seja o legado mais importante dessa grande mulher que foi Maya Angelou.

As obras de Maya Angelou podem ser adquiridas na Amazon BR , na Livraria Cultura e em outros sites.


Espero que tenham gostado, pessoal! E estou mais do que aberta para sugestões de autoras bacanas que mereçam um post só para si, ok? É só comentar aqui em baixo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s